... preferimos utilizar a própria informação coletada como retribuição aos participantes: cada um dos participantes de nossas pesquisas recebe em primeira mão, os principais resultados de nossas pesquisas. Somente após é que as informações são liberadas para o público em geral.

O uso da própria informação como retribuição pela colaboração acaba tendo como resultado a participação de pessoas efetivamente interessadas no assunto do estudo: se um entrevistador ligar numa grande empresa, procurando um diretor e oferecer dinheiro pela entrevista, mas quem atende o telefone é um motoboy, que diz ser ele, o que acontecerá com a qualidade das informações?

A prática da MBI tem revelado que sua técnica funciona até mesmo com públicos acostumados a serem pagos, como acontece por exemplo com os médicos.

Em alguns casos, quando ainda assim é necessário algum tipo de estímulo, a MBI oferece dinheiro de forma indireta: em vez de pagar aos respondentes da pesquisa, é feita uma doação a uma organização social que faz uso do dinheiro. A figura ao lado, por exemplo, ilustra uma contribuição da MBI ao Unicef que foi gerada desta forma.