Vocação para a criação de Ferramentas

A MBI foi fundada em dezembro de 1990, para viabilizar de forma pioneira no Brasil, ferramentas para o desenvolvimento de software. Como naquela época a interoperabilidade entre as linguagens era muito limitada, optamos por nós especializar nos desenvolvedores que usavam a linguagem C.

Essa decisão obrigou a MBI a se destacar no uso pioneiro de recursos da Tecnologia da Informação para administrar informações de mercado: as ferramentas disponíveis não tinham nenhum interesse para empresas que desenvolviam software em outras linguagens. Se você não é técnico em TI, podemos comparar esta situação com a de uma empresa produtora de rodas de liga leve para automóveis, que produz apenas rodas com quatro furos: esta empresa não vai conseguir vender rodas para os donos de carros cujas rodas tem três, cinco ou mais furos!

Essas informações sobre o uso de Tecnologia no Brasil foram utilizadas inicialmente pela nossa equipe comercial, na venda das ferramentas já citadas. Entretanto, dada a inexistência de informações sobre o mercado na época, em muito pouco tempo a MBI foi demandada por outras empresas fornecedoras de produtos e serviços de TI a disponibilizar estas informações, para empresas do setor de Tecnologia, de todos os portes e origens.

Assim, a MBI passou a acumular também informações de mercado em função dos interesses destes clientes. A partir de 1993, a MBI passou a sistematizar algumas destas informações e publicá-las na forma de relatórios com estatísticas do mercado. Todos os números publicados dos relatórios Brasil Software e Brasil Infocorp podem ser encontrados na seção de Relatórios, aqui neste site. Esta série de relatórios foi substituída pelo produto on-line IT@Brasil em 2003 (também já descontinuado) e mais recentemente pelos serviços de monitoramento de mercado, que permitem a cada cliente monitorar seu mercado de interesse de forma detalhada.

Em 2009, a MBI estreou sua loja virtual, na qual são disponibilizados dezenas de milhares de produtos de informação de mercado, a preços competitivos, com o objetivo de ampliar o mercado potencial de nossos clientes. Esta iniciativa levou o site da MBI a estar posicionado entre os dez mil mais visitados do país.

As demandas geradas pelos próprios visitantes do site fizeram com que em 2012 a MBI retomasse sua tradição de criação de ferramentas de software, agora no universo da computação em nuvem. O primeiro resultado desses esforços foi o software experimental SuperBINA 1, lançado em julho de 2013.

As demandas adicionais surgidas a partir dai levaram a MBI a repensar o desenvolvimento de software para a nuvem: leia aqui os detalhes dessa história.


Publicado originalmente em
esta página do site da MBI