Introdução

Software é uma das opções estratégicas da Política Industrial, Tecnológica e de Comércio Exterior (PITCE) do governo federal. Trata-se de um setor dinâmico, que possui um papel central no cenário de convergência das tecnologias da informação e comunicação. O software contribui para as inovações nas mais variadas áreas de atuação: medicina, educação, gestão empresarial, telecomunicações, entre outras. O presente trabalho, de natureza exploratória, contém uma extensa revisão de literatura sobre aspectos relevantes à indústria de software: características gerais, economias de rede, fatores críticos de sucesso, plataformas abertas, certificação de qualidade e falhas de mercado, além de trazer informações sobre as indústrias brasileira, irlandesa, israelense e indiana. Realizamos uma série de entrevistas junto a empresas de diferentes portes, institutos de pesquisa, entidades representativas do setor e acadêmicos. Levantamos informações dos microdados da Pesquisa Anual de Serviços (PAS), do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Os resultados indicam que existem imperfeições no mercado de crédito – para pequenas empresas - e de certificações de qualidade. Com o objetivo de contribuir com subsídios para a PITCE, apresentamos nesse estudo os resultados das entrevistas, bem como uma análise do posicionamento estratégico do Brasil e de outros países emergentes no mercado internacional de software.

Clique aqui para obter o texto completo em formato .pdf
(365 Kb, 67 páginas)






 

 

 

 

 

Content could not be rendered